terça-feira, 8 de novembro de 2016

Educação Monetária

 Uma educação financeira desde pequeno,  agrega muitos valores mas,  depende muito da maneira que abordamos o assunto com nossos filhos.
 Naturalmente eles vão incorporando que tudo o que desejam tem um custo, mas quando vamos tornando isso consciente para eles,  tudo vai ficando mais fácil.
 Nesse assunto, podemos agregar até valores emocionais e sociais pois,  podemos introduzir a ideia de valores para conquistas de objetivos.  Objetivos esses relativos,  mas que podem ser usados  para as crianças irem aprendendo a se definir. 
 Cabe aos pais estruturarem bem a  parte prática,  pois precisam deixar claro  quem  coloca as regras de como essa administração será efetivada. 
 E para os gastões de plantão,  vale lembrar:
DEIXE SEU FILHO APRENDER A TER PACIÊNCIA PARA CONQUISTAR O QUE DESEJA ou seja,  não compre o que ele quer antes dele conseguir guardar o valor total. 
 Quando ele tiver o dinheiro do que  almeja,  ao conseguir comprar, tudo terá muito mais valor!
 Em casa faço uma mesada semanal (semanada).  Pois acho que assim fica mais fácil das crianças de até uns 10 ou 11 anos compreenderem o quanto precisam guardar para conseguirem o que querem. 
 O Combinado do valor,  pode ser de R$1,00 por idade,  assim não fica pesado para os pais e as crianças vão a prendendo a administrar.
O dinheiro pode ser armazenado em casa mesmo,  em uma gaveta,  carteira ou cofrinho.